Skip to main content

Repensar no que Posso Melhorar(Natal)-Dr Gestão

Decidi que vou fazer algo diferente hoje, sei que normalmente meus artigos se destinam a trazer algum conhecimento relacionado à área de confecção do vestuário, mas como estamos tão próximos do final de 2017, com o natal já agora na segunda feira e logo mais o ano novo, tive vontade de falar um pouco de outro tema.

Além dos presentes, comidas, reuniões de família e amigos, convido a todos que reflitam sobre o que pode ser melhorado em sua vida. O que você quer que mude em 2018 em sua vida profissional e pessoal.

Esse dia tão especial que se aproxima é uma oportunidade de reunir a família, colocar a conversa em dia e recuperar as energias que foram se gastando ao longo deste ano que se passou. Foi um ano difícil e temos que trabalhar para que 2018 seja um ano melhor.

Reflita sobre os problemas que você viveu este ano e pense o que você pode fazer para que eles não resurjam. Não só no lado profissional, mas também o pessoal, emocional e social.

Eu gosto de uma expressão que traduz bem este sentimento que estou tentando repassar com estas palavras. “Aquele que encontra em sua casa o verdadeiro significado de caos e desordem jamais poderá exigir que tenha ordem em seu ambiente de trabalho”

Como realizar esta reflexão?

É muito simples, primeiramente pense tudo que você fez de bom este ano e todos os projetos que ajudaram você e a outras pessoas e tornou o mundo um lugar melhor. Todos os momentos que você foi feliz ou que mesmo infeliz pode dar felicidade para outra pessoa. Uma boa sugestão é que anote estes momentos em uma folha de papel.

Você deve começar pelos momentos felizes, pois estes são mais fortes enquanto que os momentos tristes são mais marcantes. Você lembrará muito mais daqueles momentos que você falhou do que dos momentos que você acertou e sem dúvida você se culpará mais pelos seus erros do que se parabenizará pelas vitórias. Lembrando primeiro dos momentos de felicidade e vitória você retirará energias para prosseguir na segunda etapa da tarefa.

Depois deste primeiro passo faça o oposto, pense em todos os momentos ruins, todos os períodos que você ficou triste, chorou, se desesperou e achou que tudo estava perdido. Todos os problemas que fizeram você se estressar, reclamar e brigar com quem ama e respeita. Lembre-se daqueles momentos que, por conta da situação ou até mesmo de suas ações, você tornou a sua vida e de outras pessoas pior e por consequência você fez do mundo um lugar pior.

Anote essas tristezas na parte de trás daquela folha que você escreveu a primeira parte. No topo das lembranças felizes escreva em destaque “O que deve continuar em 2018” e no outro lado, a face das desventuras, escreva “O que não deve continuar em 2018”.

Você anota um em cada face da folha para poder visualizar apenas um de cada vez. Realizando isso você estará revivendo os melhores e piores momentos de seu ano. Após isso você terá a oportunidade de julgar se você se saiu bem em 2017, se venceu mais do que perdeu e se suas vitórias se sobressaíram em relação às derrotas.

E se eu não gostar do que percebi?

Vou falar a verdade para você, essa reflexão no primeiro momento pode ser um verdadeiro choque. Não é raro você se deparar com mais derrotas que vitórias e achar que as vitorias não valeram a pena para o tanto que você sacrificou.

Caso você esteja nesta situação, tenha em mente que todas as vitorias foram um passo em frente enquanto que os fracassos foram novas experiências que propiciarão novas conquistas. Estas conquistas serão maiores que os fracassos dos quais sua experiência veio.

Lembre-se também que seus erros já foram feitos e não tem como muda-los, o que pode ser alterado é o futuro. E o nome deste futuro é 2018.

Como pensar positivo diante do que errei?

Esse é o mais difícil, sem dúvida nenhuma. Olhar para suas falhas e pensar positivo é realmente pouco motivador. O pensamento que vem a cabeça é “Se eu falhei é por que não sou bom o suficiente” ou “ele conseguiu por que é melhor que eu”.

Para essa situação gosto de pensar em uma frase de Bill Gates “Eu falhei em algumas provas. Mas meu amigo passou em todas. Hoje ele é engenheiro da Microsoft e eu sou o dono dela.”.

        Com essa frase consigo ver que não são meus erros que vão definir meu futuro, e sim o modo como eu os encaro. O modo que eu lido com eles que faz toda a diferença.

Ajude o próximo…

A vida é mão dupla, ajude outras pessoas que essa ajuda retornará para você. Existem milhares de historias, correntes, vídeos e até mesmo vídeo clips que demonstram a forma como sua ajuda volta para você alguma hora.

Pense no seu legado para o mundo. Aproveite cada segundo com sua família e amigos e sempre batalhe por uma vida melhor. Para você, para eles e para o mundo, afinal, este é seu verdadeiro legado.

Desejo um Feliz Natal e um próspero ano novo a todos vocês.

Luiz Roberto Saraiva

Luiz Roberto Saraiva em Gestão da Indústria de Confecção
Sou natural da Tijuca, no Rio de Janeiro. Tenho 47 anos, sou graduado em Administração de Empresas pelo Senai/Cetiqt e possuo pós-graduação em Logística Empresarial pela Funcefet. Depois de mais de 19 anos de atuação profissional, posso dizer que sou simplesmente apaixonado pelo mundo da indústria têxtil e de confecção do vestuário.