Skip to main content

Parceria Facção/Oficina com Fábrica de Roupas -Dr Gestão

É possível construir parcerias com as fábricas de confecção de roupas de modo que esta aliança promova o crescimento de ambos os lados? O que devo fazer para atingir este objetivo? Para auxilia-los nesta grande questão, estou trazendo 4 dicas fundamentais para fazer esta parceria dar certo.

Busque saber sua capacidade industrial, independente de ser confecção de roupas (uma fábrica) fação e/ou oficina, pois esta informação será muito importante na hora que você for fazer sua parceria. Saber quanto você produz por período de tempo vai impedi-lo de atrasar as entregas e consequentemente sofrer sanções de atraso no pagamento e descontos no valor do serviço.

É muito comum no contrato das facções com grandes marcas um ou mais artigos focando nesta questão do atraso. No geral, você entregando atrasado gera problemas pra empresa e para você. Como a empresa ficará em cima de você até receber o produto pelo qual ela pagou, obviamente você fará de tudo para produzir mais rápido do que pode e a qualidade de sua produção decairá e muito!!

A pressa é inimiga da perfeição, não tem como saber quais serão os resultados de trabalhar com pressa, mas a certeza é que será um desastre. Nessas horas a lei de Murphy funciona que é uma beleza.

Portanto, saiba sua capacidade industrial. Essa é a Regra de ouro de um empreendedor.

Segunda Dica – Quantidades

Vamos agora para a segunda dica, descubra suas quantidades. Analise e quantifique os abastecimentos da sua empresa. Nada de deixar na sua cabeça os dados, registre-os que será mais fácil para você entender sua empresa ou facção.

Dados como quanto de material sua facção/oficina irá receber mensalmente, quinzenalmente, semanalmente e etc. É importante saber disso, pois qualquer problema no recebimento vai causar um buraco na sua produção. É muito importante saber o tamanho da crise para resolvê-la.

Resumindo, é importante que seja conhecido o volume que sua facção/oficina vai trabalhar para a empresa.

Terceira Dica – Preços

Esta dica é muito importante, mas por algum motivo, grandes partes dos gestores ignoram sua existência. Ela é relacionada ao valor do produto, o preço da roupa. A lucratividade da sua fábrica ou facção.

É muito comum que os responsáveis pela valoração dos produtos tenham um valor um pouco distante da realidade. Acham que podem ter muito lucro com quantidade e não é bem assim que funciona. Quando você pensa em lucrar na quantidade, naturalmente aumenta um pouco o preço para maximizar os lucros ainda mais. A consequência é o decréscimo das vendas.

O principal foco de qualquer facção/oficina é pagar seus custos fixos. Você não pensa em lucro antes de garantir que está batendo esta meta. Aconselho que você calcule seu custo minuto para facilitar nesse cálculo dos custos fixos.

Se você pensa sempre em primeiro pagar seus custos ao invés de pensar em ter um lucro significativo, facilmente você saberá se está pagando para trabalhar. Caso esteja nessa situação, é necessário que a inverta o mais rápido que puder. Naturalmente, sabendo quanto que você precisa para pagar seus custos, é mais fácil para negociar com a Confecção de roupas.

Quarta Dica – Prazo de Pagamento

Esta é a dica de ouro para aqueles que querem empreender. Todo empreendedor deve ter em mente fixado a ferro e fogo em sua mente essas palavras: Prazo de Pagamento.

Em geral, prazo de pagamento costuma ser a cada 15,30 ou até mesmo 60 dias após a compra dos produtos/aviamentos por parte das empresas de Confecção de roupas. Deve se atentar a isso, pois, as facções/oficinas não tem um capital de giro muito grande para sobreviver mais de 15 dias trabalhando sem receber.

Mesmo se tratando de uma parceria, isso gera certa informalidade aos pagamentos, porque se começa a pagar por partes de um modo que não foi previamente acordado no contrato. A parceria necessariamente exige que se tenha um contrato definindo as responsabilidades de ambos os lados.

Obviamente você não vai deixar suas costureiras sem receber para manter sua facção e sua parceria. Desenvolva uma parceria que respeite o tamanho e as necessidades de sua facção/oficina. Sempre pague seus profissionais no dia determinado. Mas para isso, exija uma rotina fixa de pagamentos por parte de seus contratantes.

Espero que essas 4 dicas venham a levar sua facção/oficina, Confecção de roupas e com isso a sua empresa venha  a crescer no mercado, se desenvolver e alcançar o tão almejado sucesso profissional. Grande parte dos empreendedores utilizam essas dicas de modo natural, nem percebem, mas seu pensamento está sempre direcionado ao empreendedorismo. Aperfeiçoe-as em sua carreira e estará mais perto do sucesso.

 

Luiz Roberto Saraiva

Luiz Roberto Saraiva em Gestão da Indústria de Confecção
Sou natural da Tijuca, no Rio de Janeiro. Tenho 47 anos, sou graduado em Administração de Empresas pelo Senai/Cetiqt e possuo pós-graduação em Logística Empresarial pela Funcefet. Depois de mais de 19 anos de atuação profissional, posso dizer que sou simplesmente apaixonado pelo mundo da indústria têxtil e de confecção do vestuário.