Skip to main content

Desenvolvimento de Coleção x Desenho Técnico-Dr Gestão

No mercado de moda temos os profissionais que apenas fazem o desenho técnico com os tecidos e aviamentos pertinentes daquele croqui. E outro profissional que desenvolve toda a coleção, trabalhando modelagem, peça piloto e ainda a ficha técnica. E um terceiro profissional com o perfil que fazem as duas tarefas. Completando com o desenho técnico até a entrega de toda a coleção para o cliente.

Os valores variam muito no mercado da moda cobrado por esses profissionais. Muitas das vezes é até sustentável a contratação desse profissional para o quadro de colaboradores da sua empresa.

O primeiro profissional trabalha na concepção do desenho que vai poder facilitar na hora da interpretação na elaboração da modelagem. Um desenho mais técnico, que muitos inclusive chamam de croqui. Constará o desenho da parte da frente e parte das costas. Podendo marcar informações importantes para atentar ao profissional de modelagem. Os tecidos e ainda os aviamentos serão informados, nome e valor. Via de regra a design de moda que cria esse desenho, em algumas empresas médias e grandes repassam para o profissional que esta no setor de criação, para que o mesmo faça o desenho que ele concebeu com mais detalhe.

Na faculdade as disciplinas para o profissional de design de moda, tiveram muitos avanços. Com a inserção de algumas matérias deram maiores força a profissão. Antes se chamava estilista e aos poucos foi migrando para a palavra design de moda. Mesmo porque esse profissional pôde sair das faculdades mais capacitados com disciplinas que não eram visto antes.

O segundo profissional em questão desenvolve toda a coleção, trazendo o que há de mais novo na tendência de moda, espalhado pelos grandes centros de moda, como Milão e Nova Iorque. Percebe que esse profissional tem a preocupação da pesquisa das tendências de moda.

O envolvimento dele é acompanhar a modelagem, peça piloto de acordo com a quantidade de peças que foi projetado para a coleção. Se vou trabalhar com a modelagem no papel ou pelo Cad. Todo o mix de produto é elaborado para apresentá-la para o cliente. Qual a quantidade tecidos, aviamentos irei usar e quando precisará ser comprado.

E por fim você pode ter o perfil dos dois profissionais com os dois perfis descritos. Mas sempre sou perguntado qual o profissional eu contrato, ou qual é o melhor? Eu sempre respondo, depende! Se você já tem a peça piloto e a modelagem contrate o profissional para pelo menos fazer os desenhos técnicos. Agora se você realmente não tem nada, ai sim justifica contratar um profissional para desenvolver toda a sua coleção.

Por isso que a remuneração, os valores desses profissionais são diferentes no que diz respeito a preço. O projeto pode ser acordado por tempo que vai precisar desenvolver esse trabalho. Ou então por fases de entrega de cada etapa concluída. Ou por hora ou até por mês. Não existe uma receita de bolo pronta. Mas é aconselhável que se faça um contrato qual que seja o projeto contratado.

Luiz Roberto Saraiva

Luiz Roberto Saraiva em Gestão da Indústria de Confecção
Sou natural da Tijuca, no Rio de Janeiro. Tenho 47 anos, sou graduado em Administração de Empresas pelo Senai/Cetiqt e possuo pós-graduação em Logística Empresarial pela Funcefet. Depois de mais de 19 anos de atuação profissional, posso dizer que sou simplesmente apaixonado pelo mundo da indústria têxtil e de confecção do vestuário.

Últimos posts por Luiz Roberto Saraiva (exibir todos)