Skip to main content

Como faço para abrir uma loja de roupa?

Você sempre sonhou em ter uma loja de roupa sua? Sempre quis o seu negócio próprio, e acha que o mercado do vestuário é o ideal para você? Então é importante saber como fazer para abrir uma loja de roupa, que não é tão simples assim.

Antes de mais nada, aproveito para dizer que esse é um mercado em franca expansão, e por isso não poderia ter feito uma escolha melhor.

Nos dias de hoje, a moda e o vestuário são considerados essenciais na vida da maior parte das pessoas, e por essa mesma razão o mercado tem dado tanto lucro.

Como abrir uma loja de roupa?

No entanto, e apesar de ser um negócio muito rentável, é necessário ter em conta alguns detalhes para que a sua loja dê frutos verdadeiramente.

Vejamos agora algumas dicas essenciais para que consiga abrir a sua loja com sucesso.

Escolha qual o tipo de roupa que a sua loja vai vender

Existe uma infinidade de mercados dentro da moda. Por exemplo, pode abrir uma loja direcionada para a moda infantil, ou moda adulta, feminina ou masculina, de gala, casual, sport, entre tantas outras.

O importante é que você escolha um setor de moda com o qual você se sinta familiarizado. Quanto mais conhecer desse nicho de mercado, mais sucesso vai ter. A partir daí, escolha um bom fornecedor, que lhe garanta a qualidade das peças, e um bom preço.

Público-alvo

Abrir uma loja e não saber a quem nos dirigimos pode levar o nosso negócio à ruína. É importante saber a quem você vai vender, de forma a que oriente toda a sua loja a essas pessoas. Conheça os gostos dos seus potenciais clientes para poder montar uma loja atraente para eles.

Isso vale também para a publicidade. Dependendo do seu público-alvo, a forma como você divulga e publicita a sua loja variam, e por isso é tão importante conhecer os seus clientes.

Localização

A localização é um dos pontos mais importantes no negócio das lojas de roupa. Não só deverá ser um lugar movimentado, como ele deve ser movimentado pelas pessoas certas, ou seja, pelas pessoas que se encaixam no seu público-alvo.

Dependendo do estilo de roupa que você vende em sua loja, é muito provável que a localização tenha de ser muito bem pensada. Está virado para roupa de grife? Então tem de escolher um ponto que seja frequentado por pessoas de classe média/alta. Roupas baratas, casuais? Então nunca poderá abrir num dos bairros de Ipanema.

Concorrência

Se existe concorrência? Existe! E muita! Por isso você deve estar bem ciente dela antes de partir para a ação. Estude os seus concorrentes, veja o que eles oferecem, e pense num diferencial para a sua loja.

Tenha atenção aos itens que eles vendem, a como eles fazem a divulgação, e a forma como eles atendem os seus clientes. Anote os pontos fracos, mas também os pontos fortes. Incorpore os pontos fortes em seu negócio, e colmate os pontos fracos na sua loja.

Atendimento

Qualquer loja, independentemente do ramo de atividade, depende muito do atendimento. Ter uma pessoa de má cara atendendo os clientes, ou que não sabe responder às suas questões, ou que não se mostra disponível para ajudar, pode comprometer todo o seu negócio.

Por isso, garanta que toda a sua equipe é gentil com os clientes, e sempre dispostos a ajudá-los.

Luiz Roberto Saraiva

Luiz Roberto Saraiva

Luiz Roberto Saraiva em Gestão da Indústria de Confecção
Sou natural da Tijuca, no Rio de Janeiro. Tenho 47 anos, sou graduado em Administração de Empresas pelo Senai/Cetiqt e possuo pós-graduação em Logística Empresarial pela Funcefet. Depois de mais de 19 anos de atuação profissional, posso dizer que sou simplesmente apaixonado pelo mundo da indústria têxtil e de confecção do vestuário.
Luiz Roberto Saraiva

Últimos posts por Luiz Roberto Saraiva (exibir todos)